Como reengajar contatos inativos da sua lista

 Em Email Marketing

reengajar-contatos-inativos-email-marketingÉ comum que após algum tempo enviando campanhas de email marketing se perceba uma queda no volume de interações de aberturas e cliques. Enquanto uma parte dos contatos abandona seus emails e por isso não interage mais, existe uma outra parte que deixa de interagir simplesmente porque deixa de ter interesse no conteúdo enviado. É aí que entram as campanhas de win back ou reengajamento. Simplesmente desperdiçar esta grande parte da lista não é o mais indicado a se fazer. Antes disso, você deve trabalhar as campanhas de win back ou reengajamento para reengajar o número máximo de contatos possível. Vamos ver como isso pode ser feito? Temos 5 dicas bem interessantes!

 

1 – Defina o que é contato inativo

Cada negócio precisa definir uma regra para dizer quando um contato passa a ser inativo. Não existe uma regra para esta definição, pois cada empresa tem sua frequência de envios e suas próprias práticas de segmentação. Contudo, se você está na dúvida em como começar, pode considerar um contato inativo quando ele não abriu nenhuma campanha nos últimos 6 meses. Ou então quando não clicou nenhuma vez nos últimos 9 meses. Feito isto, crie o segmento na sua lista com esta regra e vamos para o passo seguinte.

 

2 – Crie peças com conteúdo específico de reengajamento

Agora é o momento de criar peças de reengajamento. Seguem algumas dicas para criação das peças:

– Foque em um conteúdo que expresse emoção, mas sem esquecer de oferecer algum benefício.

– Não inclua nestas peças apenas uma lista de produtos sendo oferecidos. Lembre-se que o objetivo é demonstrar que você percebeu a inatividade do contato e que se importa com ele, gostaria que ele voltasse a interagir com você. Campanhas repletas de produtos você já envia regularmente e eles não interagiram, então não faz sentido ser repetitivo.

– Crie mais de uma peça para testar qual tem os melhores resultados. O ideal é ter pelo menos 3 conteúdos distintos e vá testando eles para ver qual responde melhor. Considere, inclusive, criar uma versão apenas com texto, com um ou dois links para o site ao longo da mensagem. Você pode se surpreender com os resultados de uma mensagem de texto, afinal elas são muito mais pessoais do que mensagens repletas de imagens.

 

3 – Crie uma linha de assunto diferente

A escolha do assunto é fundamental. E este assunto tem que ser MUITO curto e direto. Estudos mostram que um assunto mais “emocional” traz melhores resultados. Caso decida oferecer desconto no assunto, é recomendável usar “$ OFF” ao invés de “% OFF”. Abaixo algumas dicas que podem ser aplicadas para a linha de assunto:

– Sentimos sua falta
– Cadê você?
– Onde está você?
– Até $50,00 OFF, só hoje.

 

4 – Envie mais de uma campanha de reengajamento

Não devemos descartar para sempre os contatos que não interagiram com a sua primeira campanha de win back. Recomenda-se expor os contatos a campanhas de reengajamento por pelo menos 2 meses. A frequência de envio pode ser 1 por semana ou 2 por mês, mas com os conteúdos variando entre diferentes peças. Fique atento aos números de novos interativos que serão obtidos e também ao opt-out. Se perceber um aumento muito grande nos opt-outs, talvez a frequência de envio esteja muito elevada, então diminua a frequência de envio destas campanhas.

 

5 – Faça testes e tenha paciência

Um estudo da Return Path mostrou que, em média, os contatos que lêem uma campanha de win back levam 57 dias até lerem uma campanha posterior habitual. Portanto, os resultados não serão imediatos. Tenha paciência e siga fazendo os envios de campanha de win back para os contatos que ainda estão inativos. Descubra, com base nos diferentes conteúdos e nos resultados de abertura e clique, a frequência e o melhor horário para envio. Como dito antes, o ideal é você dar a chance ao longo de pelo menos 2 meses para os contatos se reengajarem. Após este período, quem não tiver qualquer interação, aí sim pode ser definitivamente descartado de sua lista. Como sempre falamos por aqui, apenas testando e analisando os resultados você conhecerá a fundo a sua audiência!

 

Para finalizar, recomendamos a leitura do E-book criado pela Return Path, empresa líder mundial em Email Intelligence. Acesse o link e boa leitura!

Leia também: 5 hábitos de uma operação eficiente de email marketing

Deixe um comentário

Comece a digitar e aperte Enter para buscar

Email-Marketing7 métricas essenciais para medir retorno financeiro do email marketing