5 dicas para criar assuntos de e-mail marketing atrativos

 Em Email Marketing

Você com certeza já ouviu a expressão “a primeira impressão é a que fica”, não é? Pois os assuntos de e-mail marketing são o primeiro elemento que o leitor vê de um envio e podem ser determinantes para o sucesso de toda a campanha. É como se fosse um cartão de visitas: se não for atraente o suficiente, pode perder aquele público na hora.

Para piorar, é muito fácil se confundir ao buscar orientações sobre as melhores práticas para criar assuntos de e-mail marketing atrativos. É melhor escrever pouco ou muito? Usar caixa alta? Um estilo de texto mais solto ou mais formal?

Nós vamos ajudar nisso: confira a seguir 5 dicas para criar assuntos de e-mail marketing atrativos:

1. Aposte em assuntos curtos

Quando analisamos assuntos de e-mail marketing, é comum ver diversas campanhas investindo em colocar o máximo de informação possível neles, com o intuito de convencer o leitor a abri-los.

Evite cometer este erro: o tamanho do texto deve satisfazer às necessidades do tema daquele envio. Aliás, você pode obter performance muito melhor apostando em um assunto bem curto, que desperte a curiosidade e chame a atenção. O ideal é que a linha de assunto tenha no máximo 70 caracteres, se conseguir ter até 60, melhor ainda.

2. Evite caixa alta e excesso de pontuações

Uma publicidade escandalosa dificilmente consegue conquistar a audiência do seu público. E o pior: pode fazer com que seu envio seja interpretado como spam. Desligue o caps lock e abra mão de encher seu assunto de exclamações ou muitas interrogações.

Use a quantidade de pontuação apropriada, que o contexto pede. Qualquer excesso pode ser mal visto e prejudicar a sua performance.

3. Personalize o texto

Graças à tecnologia disponível hoje, você não precisa enviar o mesmo assunto para todos os seus destinatários. Através dos tokens disponíveis nas ferramentas de e-mail marketing, você pode incluir, por exemplo, o nome da pessoa neste espaço.

Quem receber vai dar uma atenção especial para aquele e-mail, já que se refere a ele próprio, de um jeito bem próximo. Também é possível personalizar o texto baseando-se em outros critérios, como localização, mas evite excessos.

4. Não faça falsas promessas

O conteúdo dos assuntos de e-mail marketing precisa corresponder exatamente ao que está naquela campanha. Do contrário, o seu público vai se sentir enganado e prontamente irá se descadastrar daquela lista. Crie e mantenha uma relação de honestidade com o seu destinatário ao ser objetivo na sua redação.

5. Use a linguagem apropriada

Toda campanha de marketing precisa de um apurado estudo de audiência antes de ser iniciada. E é daí que vem o diagnóstico que irá definir a linguagem ideal a ser empregada em suas comunicações. Os assuntos de e-mail marketing precisam se adequar a isso com naturalidade. Do contrário, o público não vai sentir identificação com aquele conteúdo e sua performance irá sofrer com isso.

Siga essas dicas para garantir melhores resultados com os seus assuntos de e-mail marketing. Lembre-se que a taxa de abertura, um dos indicadores mais importantes deste tipo de campanha, é totalmente dependente de uma redação estratégica e realizada com identificação pelo público-alvo.

De que outras formas você costuma trabalhar com assuntos de e-mail marketing? Conte para a gente nos comentários!

Deixe um comentário

Comece a digitar e aperte Enter para buscar

e-mail marketing ainda funciona4-razoes-para-utilizar-a-automacao-de-email-marketing.jpeg })(jQuery);